Conheça os benefícios do ácido hialurônico

Considerado o ácido da beleza por muitos, o ácido hialurônico tem se tornado febre nos consultórios dermatológicos. Isso porque as várias utilizações da substância para deixar a pele cada vez mais bonita e firme têm atraído homens e mulheres que buscam um contorno facial mais harmonioso e sem flacidez.

Aproveite:

:: Promoção de depilação definitiva: R$ 95 a sessão. Clique aqui e saiba mais!

Segundo a dermatologista da Neoderme e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) Luz Marina Hannah Grohs, o ácido hialurônico é uma substância com alta capacidade de se ligar e reter moléculas de água, razão pela qual tem várias utilidades na dermatologia e em produtos anti-aging.

O ácido hialurônico é uma substância presente no nosso organismo, encontrado em tecidos como a pele (local mais abundante – 50% total), líquido sinovial (líquido que banha as articulações), e tecidos esqueléticos como válvulas cardíacas e pulmão. Além de promover a hidratação da pele, aumenta a lubrificação das articulações, melhora a cicatrização de feridas, entre outros”, comenta a especialista.

Veja também:

:: Depilação a laser em Curitiba: conheça o Vectus

:: Entrevista Banda B: dúvidas sobre remoção de tatuagem

:: Entrevista Gazeta do Povo: câncer de pele e as unhas

Principais indicações
Existe hoje uma infinidade de tratamentos com ácido hialurônico. Ele pode ser utilizado na forma injetável para promover a hidratação da pele (skinboosters), preenchimento de rugas e sulcos na pele (bigode chinês e código de barras – linhas em cima dos lábios), correção de olheiras, melhora do contorno e volume de lábios, correção de cicatrizes de acne ou acidentes, sustentação e melhora do contorno facial quando se inicia o processo de flacidez.

Diferença entre botox e ácido hialurônico
Muita gente fica na dúvida sobre as aplicações com toxina botulínica, o famoso Botox, e o ácido hialurônico. A toxina botulínica trata os músculos da mímica facial, diminuindo a sua contração temporariamente, evitando que ocorram linhas de expressão na pele, as temidas rugas. Já o ácido hialurônico injetável permite a hidratação da pele, melhora do contorno facial, correção de sulcos, cicatrizes de acne, olheiras.

A combinação destes dois procedimentos proporciona um resultado mais completo e duradouro, buscando um envelhecimento mais bonito e natural da pele.

Envelhecimento da pele
Há dois processos de envelhecimento da pele que ocorrem independentemente: o intrínseco e o extrínseco. O processo intrínseco, do próprio organismo, afeta todos os órgãos e é influenciado por mudanças hormonais que ocorrem com o passar dos anos.

Segundo a dermatologista, existe uma diminuição de produção de hormônios sexuais a partir dos 20 anos e na menopausa.

“Está bem estabelecido que a deficiência de hormônios como estrógenos e andrógenos resultam na degradação de colágeno, ressecamento, perda da elasticidade, atrofia e enrugamento da pele”, explica.

Já o processo extrínseco refere-se às influências externas como radiação solar, poluição, cigarro, bebidas alcoólicas, etc.

“Um dos sinais de que a pele está envelhecendo é a diminuição da hidratação dela. É aí que entra o ácido hialurônico, pois é uma substância com alta capacidade de se ligar e reter moléculas de água”, complementa a dermato.

Rejeição do ácido ao organismo
Mesmo sendo uma substância encontrada no organismo, o ácido hialurônico pode sofrer rejeição quando injetado na pele, porém efeitos adversos relacionados ao uso dele têm frequência inferior a 2% na literatura.

Pacientes com doenças autoimunes, como Lúpus e esclerodermia (enrijecimento crônico da pele e dos tecidos conjuntivos) não podem ser submetidos a procedimentos com ácido hialurônico injetável pois podem piorar o quadro da doença. Além disso, situações como gestação, amamentação e casos de imunodepressão contraindicam seu uso.

Cremes à base do ácido
Atualmente os laboratórios com linha dermatológica têm investido em tecnologias para que o ácido hialurônico consiga penetrar na pele e aumentar a sua hidratação. No entanto, alerta a dermato, para atingir este objetivo o produto deve ser de boa qualidade e ter embasamento científico para avaliar os resultados na pele.

“A associação destes produtos com o ácido hialurônico injetável nos preenchedores promove resultados mais perceptíveis do que o uso isolado dos cremes, principalmente quando a queixa é perda de volume facial e flacidez”, finaliza.

Sobre Luz Marina Hannah Grohs
Luz Marina Hannah Grohs é graduada em Medicina pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), com residência médica em Dermatologia na Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ – SP). É membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e membro efetivo da International Society of Dermatology.

Sobre a Neoderme
A Neoderme é a mais nova referência nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica e cosmética de Curitiba. Com equipe multidisciplinar, a clínica possui estrutura moderna, espaço aconchegante e tecnologia de ponta, sempre comprometida com a ciência, ética médica e bem-estar dos pacientes.

Localizada no bairro Batel, a Neoderme conta com localização privilegiada e possui amplo horário de atendimento: de segunda a sexta, das 8h às 20h, e aos sábados, das 9h às 13h.

SERVIÇO

Neoderme – Dermatologia e Estética

Endereço: Rua Carneiro Lobo, nº 468, 12º andar / Centro

Empresarial Champs Elysees

Bairro: Batel / Curitiba – PR

Telefone: (41) 9 9225-1119 / 3077-5060 / 9 8885-4907

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 8h às 20h; sábado, das 9h às 13h.

Atendimento telefônico: segunda a sexta, das 8h30 às 18h30.

Site: www.neoderme.com.br

Facebook: https://www.facebook.com/neoderme/

Instagram: www.instagram.com/neoderme

YouTube: Neoderme Dermatologia e Estética