Se você acha que as chances de acabar com aquelas gordurinhas que te incomodam já se esgotaram, está enganado! A tecnologia já ultrapassou barreiras, principalmente quando sua utilização é em prol da beleza, e a criolipólise é a aposta de muitas mulheres – e homens também! – para a redução da gordura localizada e pela busca por um corpo bonito em qualquer estação do ano.

:: Agende uma avaliação gratuita. Ligue: (41) 9 9225-1119 / 9 8885-4907.

Mas como funciona a criolipólise? Ela reduz mesmo a gordura localizada? Separamos 10 dúvidas sobre essa tecnologia que é a sensação do momento. Confira:

1 – Conhecida como a lipoaspiração sem cortes, a criolipólise é uma técnica que consegue fazer a eliminação definitiva de até 35% de gordura na região tratada.

2 – A tecnologia utilizada é a CoolTech, que destrói as células de gordura através do congelamento. O sistema monitora constantemente a temperatura, e os aplicadores têm desenho ergonômico que se adaptam às várias partes do corpo, proporcionando uma remodelação corporal, garantindo a segurança do paciente e aumentando, assim, a eficácia do tratamento.

3 – A criolipólise é a morte celular programada, causando a apoptose, ou seja, “suicídio celular”. Após 20 dias já é visível a diminuição da gordura. Na lipoaspiração essas mesmas células são retiradas da região, mas de forma invasiva. As duas técnicas fazem a eliminação definitiva.

como-funciona-a-criolipolise-neoderme-curitiba

O tratamento para criolipólise utiliza a tecnologia CoolTech, que destrói as células de gordura através do congelamento.

4 – Toda célula de gordura que morreu no processo de criolipólise é fagocitada e metabolizada no prazo de até 90 dias. Essa gordura não é eliminada por vias excretoras de urina e fezes.

5 – O aparelho de criolipólise possui diferentes ponteiras que se adaptam em qualquer região, tais como abdômen, gordura pequena no joelho, gordura axilar, região de papada, entre outras.

6 – A tecnologia da criolipólise faz com que ocorra um resfriamento intenso das células de gordura do local tratado, ocorrendo uma espécie de ‘inflamação’, eliminando até 35% da gordura da região em uma única sessão.

7 – A criolipólise é contraindicada para pacientes com alterações da pele no local da aplicação e urticária ao frio, gestantes, entre outros. Por isso, a avaliação antes do procedimento é fundamental.

8 – Durante a avaliação a especialista mede o tamanho da gordura, faz a análise da pele e a bioimpedância (exame que analisa a composição corporal).

9 –  A melhor indicação do tratamento é para pacientes com gordura localizada e até médio sobrepeso. A criolipólise não é recomendada para pessoas obesas.

10 – Quantidade de sessões da criolipólise: o paciente pode fazer até três sessões na mesma região, com intervalo de três meses entre cada sessão. Em média, após 20 dias já é visível a diminuição da gordura, mas o resultado final se dá após três meses.

:: Clique aqui e confira mais tratamentos para redução da gordura localizada

>> Outras dúvidas:
:: Quanto tempo dura o efeito da criolipólise?
A criolipólise tem efeito duradouro pois elimina definitivamente até 30% de gordura do local. Caso o paciente engorde, serão células que já existem que ficarão maiores, mas não as que morreram com o procedimento.

:: Criolipólise dói?
Existe apenas um leve desconforto no momento da aplicação.

:: Criolipólise antes e depois
Antes do procedimento, a especialista faz fotos do corpo do paciente para compará-lo no final do tratamento – o famoso antes e depois. Ela também pode tirar as medidas com fita métrica para ajudar na comparação.

Vale lembrar que o procedimento em si não faz milagres. É preciso que o paciente invista num estilo de vida saudável, com uma dieta balanceada e a prática regular de atividade física. Com essas medidas, os resultados da criolipólise serão potencializados.

***Ainda tem dúvidas sobre a criolipólise? Agende uma AVALIAÇÃO GRATUITA e converse com nossa especialista. Ligue: (41) 9 9225-1119 / 9 8885-4907.