Rua Carneiro Lobo, 468 - 12o Andar, Batel - Curitiba PR

contato@neoderme.com.br

Endereço

Rua Carneiro Lobo, 468 - 12o Andar, Batel - Curitiba PR

Contato

contato@neoderme.com.br

Manchas na pele

O que é

As manchas na pele podem ter várias causas, seja pelo excesso de exposição solar ou por doenças como o vitiligo. Os cuidados com o maior órgão do corpo podem ajudar a prevenir os problemas ou a minimizar as situações.

Manchas vermelhas na pele, por exemplo, podem ser um simples ressecamento, infecção por fungos, psoríase ou uma dermatite atópica. A coloração das manchas na pele pode antecipar a doença em questão. Ela pode ser da cor branca, vermelha, preta, marrom ou roxa. Por isso, é importante se consultar com um dermatologista para o diagnóstico e tratamento corretos.

Tipos de manchas na pele

Algumas doenças podem causar manchas na pele. Eis algumas:

– Urticária: caracterizada por manchas vermelhas e inchadas que causam muita coceira. Pode ser aguda (quando dura menos de 6 semanas) ou crônica (quando dura mais de 6 semanas). As causas mais comuns são infecções, uso de medicamentos, alimentos, estímulos físicos (calor, sol, frio, pressão), e até doenças sistêmicas nos casos de urticária crônica.

– Vitiligo: doença caracterizada pelo aparecimento de manchas brancas na pele. As lesões se formam devido à ausência de melanócitos (células que produzem a melanina, que dá a cor à pele) nos locais afetados. É uma doença autoimune que pode ser influenciada por fatores emocionais.

– Psoríase: doença inflamatória da pele, crônica e autoimume. Ela se caracteriza por lesões descamativas e avermelhadas, normalmente em forma de placas. As áreas mais atingidas costumam ser o couro cabeludo, tronco, cotovelo e joelho.

 

– Dermatite de contato: caracterizada por manchas vermelhas e descamativas com bastante coceira, provocada pelo contato de alguma substância química capaz de produzir alergia. 

– Rosácea: doença crônica de pele caracterizada pela vermelhidão das áreas do rosto, sendo mais comum em mulheres. Muitas vezes é confundida com queimadura solar, mas com o passar do tempo ela se torna persistente e pode provocar pequenas elevações na pele. A rosácea também se caracteriza pela irritação, inchaço na área dos olhos e secura.

– Melanoma: tipo de câncer de pele que pode começar com uma espécie de pinta ou mancha sobre a pele, geralmente na cor marrom ou preta. O melanoma costuma ser o mais raro, mas é o tipo mais agressivo de câncer da pele.

Consulte seu dermatologista

É fundamental procurar ajuda de um médico dermatologista sempre que surgir qualquer alteração ou manchas na pele. Também é importante lembrar que o uso diário do protetor solar pode ajudar a combater o câncer de pele, e deve ser utilizado durante o ano todo.

Agende sua avaliação

    Open chat